AINDA QUE ESSE SEJA UM PROCESSO ESSENCIAL PARA FAZER O BAILE TÃO ESPERADO POR TODA A TURMA.

Ainda que seja um desafio real fazer parte de toda a organização de uma boa formatura, a verdade é que pequenas ações já evitariam muitos dos problemas enfrentados pelas comissões.

Por isso, vamos te dar algumas dicas, para te ajudar nesse momento tão importante para você e para seus colegas!

1 – Prioridade é a qualidade e profissionalismo.

Um erro frequente das comissões de formatura é procurar por uma economia inicial a qualquer custo, sem levar em consideração se a empresa contratada vai conseguir cumprir o contrato. E isso pode dar uma dor de cabeça muito maior do que você imagina.
Primeiro porque, infelizmente, ainda é comum ver empresas de eventos pouco profissionais que, por vezes, recebem todo o valor dos formandos mas não realizam a formatura, deixando uma turma inteira com um grande rombo financeiro. Imagina, que situação…

Por isso, é essencial que a comissão de formatura avalie todas as empresas do mercado e levem em consideração o reconhecimento que a empresa tem no mercado, e o portfólio, é claro.

2 – Decisões em grupo.

Outro grande erro, que costuma gerar brigas entre os formandos e até mesmo gerar atrasos na formatura, é quanto a tomada de decisões dos detalhes das festas. Ao contrário do que muitos pensam, a comissão de formatura não deve tomar todas a decisão sozinha.
Ainda que a comissão seja responsável por administrar tudo que é relacionado à festa em si, ela não tem o direito de decidir tudo sem levar em consideração a opinião de toda a turma de formandos.

Realizar reuniões, mesmo que rápidas, e levar as decisões em votação é crucial. Além disso, também é importante que a comissão envie relatórios periódicos, indicando a situação do fundo de formatura e elencando todos os gastos.

3 – Contrato com todas as decisões.

Que todas as decisões precisam ser tomadas em grupo, você já sabe, mas também é essencial que tudo seja documentado e assinado pelos envolvidos. Algumas comissões não realizam esse processo e acabam tendo problemas graves, quando algo que foi acordado verbalmente acaba não se realizando.

Um contrato protege não só os interesses do grupo de formandos, mas também a própria comissão. Contratos também devem ser realizados ao fazer acordo com todas as empresas envolvidas na formatura, seja a empresa de formatura, do buffet ou de fotografia.

Uma maneira de facilitar esse processo, e reduzir ainda mais a possibilidade de você ter problemas durante a festa, é contratar uma empresa de formatura que disponha de todos os serviços necessários para a festa, contendo até estúdio de formatura ou aluguel de becas, por exemplo.

4 – Mais de uma pessoa para o financeiro.

Um erro que pode acarretar em problemas graves é deixar apenas uma pessoa responsável pela organização financeira da comissão. No jornal, é possível ver casos de algumas comissões que sofreram com furtos ou erros enormes nas contas realizados pela pessoa que ficou com a função de administrar as finanças.

Para evitar isso, é importante que essa gestão seja realizada por mais de uma pessoa, com a fiscalização de todos da comissão. Além disso, aqueles relatórios que já citamos são cruciais para mostrar que tudo está correndo bem.

E aí, o que achou? Salve para mais tarde, assim você se lembra dessas dicas cruciais para sua formatura ser um sucesso! 💕🥳

Solicite um link e vamos fazer sua primeira reunião virtual!

 

+